terça-feira, 30 de junho de 2015

(Resenha #09): O menino do pijama listrado de John Boyne

            Olá bons leitores, hoje temos um livro muito especial, não só por apresentar uma história magnífica, como também por retratar em pouquíssimas linhas a inocência de duas crianças diante do nazismo.

Informações
Título: O menino do pijama listrado
Autor: John Boyne
Editora: Seguinte
Nº de Capítulos: 20
Nº de páginas: 186

Resumo (sem spoilers):
            A história se passa na segunda guerra mundial no tempo do nazismo, o protagonista, um garoto de 9 anos chamado Bruno fica irritado ao ter de se mudar de casa por causa do emprego do pai, que era soldado.
           
           Bruno passa meses entediado na casa nova, onde não há nada para fazer, a única coisa que pode tirar ele dessa chatice, são os seus livros de aventuras e a brincadeira de explorar. Mas onde iria explorar? A casa era minuscula comparada com a antiga e se professor o havia proibido de ler esse tipo de livros.
            Um dia, Bruno começou a explorar a cerca que havia ao redor da casa, e foi seguindo essa cerca e quando já estava no final da sua exploração, ele encontrou algo que mudou para sempre a vida dele.

Crítica (sem spoilers):
         Primeiramente, devo um enorme elogio a editora Seguinte que fez uma das melhores edições que eu já vi em livros até hoje. Mas partindo para a parte da história devo dizer que o enredo me tocou muito, pelo simples fato de toda aquela tragédia está sendo vista e vivenciada por duas crianças de 9 anos. Mas é claro que essa história é muito fofa se comparada com a List de Schindler.
         Outro ponto que me fez amar esse livro, foi pela sua escrita fácil de entender e gostosa de ler, não é uma escrita pomposa e também não é uma escrita infantil, é uma escrita jovem adulta, ou seja, YA. E esse tipo de livro atrai muitos leitores, pois além de ter uma leitura considerada fácil, tem uma história fascinante que irá arrancar lágrimas de muitos leitores.